Sobre mim

Minha foto
Brazil
''Meu mundo se resume a palavras que me perfuram, a canções que me comovem, a paixões que já nem lembro, a perguntas sem respostas, a respostas que não me servem, à constante perseguição do que ainda não sei. Meu mundo se resume ao encontro do que é terra e fogo dentro de mim, onde não me enxergo, mas me sinto.''

Seguidores

Arquivo do blog

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Traduzir-se - Adriana Calcanhotto



Uma parte de mim é todo mundo, outra parte é ninguém. Fundo sem fundo. Uma parte de mim é multidão, outra parte estranheza e solidão. Uma parte de mim, pesa, pondera, outra parte, delira. Uma parte de mim almoça e janta, outra parte se espanta. Uma parte de mim é permanente, outra parte se sabe de repente. Uma parte de mim é só vertigem, outra parte, linguagem. Traduzir uma parte noutra parte, que é uma questão de vida ou morte. Será arte?
Eu sempre gostei de acordar no meio da noite e ficar deitada pensando. Antes que eu pudesse notar, a manhã clareava rápido demais do lado de fora da minha mente. Eu sempre gostei de olhar pro sol nascendo, já notou como as nuvens ficam calmas quando ele as toca? Eu sempre gostei do cheiro do amanhecer, de algum modo quando eu respiro fundo, o ar é mais leve, ele desce frio e joga minhas dores para longe. Eu sempre gostei de novos dias.

Eu lamento pela humanidade.

"Rebolation. Mulheres Frutas. Garotas que querem ser anoréxicas. A moda de ser bissexual. Funk. Corrupção. Colírios. Posers. Drogas. Abortos. Padres pedófilos. Pedófilos em geral. Garotas de treze anos que se vestem como vagabundas. Os Nardoni. O Goleiro Bruno. Pessoas que julgam. Pessoas que não têm respeito pelas outras. Pessoas que maltratam crianças. Pessoas que maltratam animais. Pessoas racistas. Pessoas homofóbicas. Orgulho Colorido. Campos de concentração. Ditadura Militar. Holocausto. Apartheid. Adultério. Divórcio. Gente idiota. Pessoas que cortam os pulsos. Padrões da sociedade que fazem garotas lindas de 14 anos se tornarem bulímicas. Gente que fala mal de pessoas que nem conhece. Garotos escrotos que dão em cima de tudo que se move. Perguntas anônimas do Formspring.Pessoas que puxam briga por qualquer assunto. Pessoas que mentem para aparecer. Fofocas. Pessoas que dizem “Ler pra quê. Pessoas que não acreditam em Deus... É, eu realmente lamento pela humanidade."